quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

"A arte da marmita"

Não costumo comprar jornais ou revistas, pelo que é uma sorte que alguem os compre e me empreste ou deixe ler... volta e meia encontram-se artigos interessantes. E desta vez foi na visão que encontrei este titulo "A arte da marmita"


imagem retirada da net
 Ora como parece à primeira vista, o artigo é mesmo sobre a questão do habito emergente de levar e o almoço e o lanche de casa para o trabalho.

Uma das grandes vantagens, antes sequer de se fazerem contas, é que tendencialmente comeremos melhor, ate porque somos nós que escolhemos o que comemos. É fazer o jantar a pensar em mais uma refeição, acondiciona-la e guarda-la no frio ate ao dia seguinte. Depois é ter um saquinho termico para levar a comida (outros terão a sorte de até ter um frigorifico onde guardar no trabalho a sua refeição), e na hora de almoço aquecer no microondas (que o patrão disponibilizou - espera-se!). E para aqueles que aproveitam a hora de almoço para ir apanhar um pouco de ar, dá mais que tempo de sair, ou se não, aproveitar que encurtou o tempo de almoço para trabalhar um pouco mais e garantir sair "a horas" no final do dia. Eficiencia e eficácia.

Dificuldades nisto, são poucas - desde que a empresa disponibilize os meios, leia-se o microondas e um espaço para comer... Ou então teremos de optar pela famosa "sandes" (trazida de casa também), que é o normal na maior parte dos paises europeus, mas nada tipico do português que gosta de almoçar de faca  garfo. E para fãns de grelhados, como eu, também já se sabe que um bife grelhado requentado não é o mais saboroso, mas pode ser que o resto se justifique e que se reaprenda a cozinhar... cozinhar saudavel, claro!

Mas falando de dinheiro, os numeros falam por si e os testemunhos na revista são reveladores:
"(...) entre ela e o marido (...) poupa perto de 300 euros (...)"
"(...) poupa, pelo menos, 132 euros (22 almoços a seis euros)"
"(...) poupa até 400 euros por mês e não se esquece de levar fruta e iogurtes para os lanches."

Acho que vale a pena tentar.

Boas Poupanças!

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Seguidores: 50!!!

E chegámos aos 50 seguidores, nem acredito!!! Obrigada, obrigada por estarem desse lado! Sei que ando pouco participativa e sem escrever, mas andam novos projectos em carteira que me ocupam a cabeça e por vezes, nao é facil.

a ver se ate ao fim de semana falamos mais de poupanças....

Boas Poupanças!

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Pode gerar confusão

Recebi há algum tempo a informação e agora passei a verificar o quanto pode causar confusão... O meu banco "decidiu" que as compras ou operações de baixo valor passam a ser debitadas no saldo contabilistico com um deferimento de 3 dias úteis face a data da sua realização.

Eles também dizem que o respectivo montante é deduzido ao saldo disponível automaticamente, ou seja, quando pedimos o saldo aparece o real.

Problema: para quem se vai guiando pelo extracto da conta.... bem que somos enganados! Se for a planear o meu mês e semana por aqui... n é fácil. É que no extracto aparece sempre o saldo contabilistico e não o real!

Os vossos bancos também fazem assim?
Ocorreu um erro neste dispositivo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...